Arquivo do mês: abril 2017

Como dar um mergulho no passado

A Montanha Mágica, de Thomas Mann, conta a história de um jovem engenheiro, Hans Castorp, que sobe ao sanatório Internacional Berghof, na cidade suíça de Davos-Platz, para visitar o primo, Joachim Ziemssen, militar que se recupera de uma tuberculose. Lá … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Como sonhar de olhos abertos

Estou lendo Karl Ove Knausgärd, Elena Ferrante e Chuck Palahniuk, com Bruno Tolentino, Adélia Prado e Caio Fernando Abreu nos intervalos dos jornais. Enquanto a política serve doses cada vez maiores de repulsa e aversão, a literatura, muito mais gentil, … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Como brincar de faz-de-conta

Sexta-feira passada, no DQD (Doa em Quem Doer), quando falava sobre um festival de teatro infantil organizado por grupos aqui de Goiás, lembrei que, na infância, fui levado pelos professores da escola, em Cachoeirinha, para ver uma peça em Porto … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Como tirar mancha do espelho

Eu não sei dançar. Mal consigo mexer o corpo no ritmo da música. Talvez por isso tenha aderido ao heavy metal numa fase da vida. Balançar a cabeça e esbarrar nos outros não exigem habilidade. Invejo pessoas que se movem … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Como romper a casca do ovo

Elvis Presley é o rei do rock, certo? Certo. Mas só porque Chuck Berry tinha a cor da pele errada. Ele era negro, supremo pecado. Era assim que as coisas funcionavam, nos Estados Unidos, na década de 1950. Não vamos … Continuar lendo

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário